quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Veja os números do Enem 2012


Provas serão neste sábado (3) e domingo (4) para 5,7 milhões de inscritos.

Enem terá 59% de mulheres e 54% de pretos, pardos e indígenas.

Do G1, em São Paulo
As mulheres são maioria entre os 5.791.290 candidatos inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Segundo os números do exame: 59% dos candidatos são do sexo feminino. As provas do Enem serão realizadas neste sábado (3), com ciências humanas e ciências da natureza, e no domingo (4), com matemática, linguagens e redação.
As provas começam às 13h, no horário de Brasília. O candidato deve estar atento se em seu estado se aplica ou não o horário de verão.

Gêneros: Os números mostram ainda que 54% dos inscritos se autodeclararam pretos, pardos ou indígenas. Com isso, aqueles que estudaram todo o ensino médio em escolas públicas poderão concorrer às cotas raciais nos processos seletivos das universidades federais.

No total, 5.791.290 pessoas se inscreveram para fazer o Enem, sendo 2.374.855 (41%) homens e 3.416.435 (59%) mulheres.
Certificação
638.176 candidatos disseram que vão fazer o Enem para obter o certificado de conclusão do ensino médio.

Isenção
A grande maioria não pagou a taxa de inscrição de R$ 35. Foram concedidas 4.029.757 (69,6%) isenções do pagamento. Outros 1.761.533 candidatos pagaram a inscrição.

Cor/raça
Na declaração de cor/raça, 2.421.459 candidatos (41,8%) se autodeclaram brancos. Outros 2.400.375 (41,4%) se autodeclararam pardos, seguidos por 694.158 candidatos da cor preta (12%), 132.323 de cor amarela (2,3%),  e 35.756 indígenas (0,6%). Outros 107.219 candidatos (1,9%) não declararam a cor/raça.

Modalidade de ensino
4.252.286 inscritos (73,4%) frequentam o ensino médio regular. Outros 473.457 candidatos (8,2%) estão no sistema de Educação de Jovens e Adultos (EJA). Mais 34.813 (0,6%) estão no ensino médio/educação especial. Mais 1.030.734 candidatos (17,3%) declararam outras modalidades de ensino.

Situação escolar
Um total de 3.243.789 candidatos (56%) já concluiu o ensino médio. Outros 1.519.319 (26,2%) vão concluir o ensino médio ao final de 2012. Mais 719.434 inscritos (12,4%) declararam que vão concluir após 2012. Outros 308.748 candidatos (5,4%) não concluiu e não está cursando o ensino médio.

Inscrições por regiões e UF
A região Sudeste concentra o maior número de inscritos, com 2.119.419 candidatos (36,6%). Em seguida está a região Nordeste, com 1.826.289 inscrições (31,5%). A região Sul tem 732.561 inscritos (12,7%). O Norte tem 590.629 candidatos (10,2%), e o Centro-Oeste tem 522.392 inscrições (9%). Veja abaixo as inscrições por Unidades da Federação.

VEJA O NÚMERO DE CANDIDATOS INSCRITOS NO ENEM 2012 POR ESTADO
UFInscrições
UFInscrições
UFInscrições
UFInscrições
AC46.306ES124.950PB141.519RR15.050
AL89.962GO163.170PE281.689RS351.307
AM132.826MA205.705PI128.900SC101.119
AP25.773MG653.074PR280.135SE80.386
BA421.731MS133.035RJ408.902SP932.493
CE345.002MT136.617RN131.395TO39.803
DF89.570PA261.123RO69.748TOTAL5.791.290
 
Fonte: Inep/MEC
Instituições
Mais de 70 instituições de ensino vão usar parcial ou integralmente as notas do Enem no seu processo de seleção. São elas: UFAC, UFAL, Uncisal, UEAP, Unifap, Ufam, Uesb, Uesc, UFBA, UFRB, Uneb, Univasf-BA, UFC, Unifor, Unilab, UnB, Ufes, UFG, UFMA, UFMT, Unemat, UFMS, UEMS, UFJF, UFSJ, UFTM, Ufop, UFMG, UFU, UFV, UFVJM, Unifal, Unifei, Ufopa, UFPA, UEPB, UFCG, UFPB, UFPR, UEL, UEPG, Unicentro-PR, Unila, UTFPR, UFPE, UFRPE, Univasf-PE, UFPE, Univasf-PI, UFF, UFRJ, Unirio, UFRRJ, UFRN, Uern, Ufersa, Furg, Uergs, UFCSPA, UFFS, UFPel, UFRGS, UFSM, Unipampa, UFRR, Unir, UFFS-SC, Uesc, UFABC, Unifesp, Unesp, UFScar, Unicamp, USCS, UFS e UFT.
Muitas universidades vão adotar o processo de seleção do Ministério da Educação, o Sistema de Seleção Unificada (Sisu). O candidato que fizer o Enem deverá se inscrever no Sisu para concorrer às vagas nas universidades que participarem do sistema. As inscrições para o Sisu deverão ser abertas em janeiro de 2013.
As provas
O Enem será realizado neste sábado e domingo, 3 e 4 de novembro. O exame tem quatro provas objetivas, cada uma com 45 questões de múltipla escolha e uma redação. No sábado (3), a prova terá 45 questões de múltipla escolha sobre ciências humanas e outras 45 sobre ciências da natureza. No domingo (4), serão 45 questões de linguagens e códigos, que engloba português e inglês ou espanhol, e mais 45 questões de matemática. Os candidatos terão ainda de fazer uma redação.

Para a realização, das provas o candidato deverá usar somente caneta com tinta esferográfica preta e feita com material transparente.
As provas terão início às 13h (horário de Brasília). No dia 3 de novembro, os candidatos farão as provas de ciências humanas e suas tecnologias e de ciências da natureza e suas tecnologias, até as 17h30. No dia 4 serão realizadas as provas de linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e matemática e suas tecnologias, que terminarão às 18h30. O candidato só pode entregar o gabarito e deixar a sala após duas horas de prova. Para levar o caderno de questões, é necessário esperar na sala até que faltem 30 minutos para o fim da prova.
O Inep recomenda que os candidatos cheguem ao local de prova ao meio-dia (horário de Brasília). É obrigatória a apresentação de documento de identificação original com foto para a realização das provas. Quem não tiver o documento deverá apresentar boletim de ocorrência emitido no máximo 90 dias antes da data da prova e se submeter a uma identificação especial e preenchimento de formulário próprio.
Conferência dos dados
Antes de iniciar as provas, de acordo com o edital, o candidato deverá verificar se o seu caderno de questões contém a quantidade de questões indicadas no seu cartão-resposta e contém qualquer defeito gráfico que impossibilite a resposta às questões. O estudante deverá ler e conferir todas as informações registradas no caderno de questões, no cartão-resposta, na folha de redação, na lista de presença e demais documentos do exame.

Se notar alguma coisa errada, o candidato deverá imediatamente comunicar ao aplicador de sua sala para que ele tome as providências cabíveis no momento da aplicação da prova.
Segundo o edital, a capa do caderno de questões possui informações sobre a cor do mesmo e uma frase em destaque, e caberá obrigatoriamente ao candidato marcar nos cartões-resposta, a opção correspondente à cor da capa do caderno de questões; transcrever nos cartões-resposta a frase apresentada na capa de seu caderno de questões. As respostas das provas objetivas e o texto da redação do deverão ser transcritos, com caneta esferográfica de tinta preta fabricada em material transparente, nos respectivos cartões-resposta e folha de redação, que deverão ser entregues ao aplicador ao terminar o exame.
O que não pode
O edital proíbe ao candidato, sob pena de eliminação, falar com outros candidatos, usar lápis, lapiseira, borracha, livros, manuais, impressos, anotações, óculos escuros, calculadora, agendas eletrônicas, celulares, smartphones, tablets, ipod, gravadores, pen drive, mp3 ou similar, relógio ou qualquer receptor ou transmissor de dados e mensagens.

Todos os pertences que não sejam a caneta preta de material transparente e o documento de identificação deverão ser guardados em um porta-objetos com lacre, que deverá ficar embaixo da carteira do candidato e só poderá ser reaberto após a saída dele da sala de prova.
A redação
O sistema de correção do Enem sofreu mudanças em 2012. A partir deste ano, a redação será corrigida por dois corretores de forma independente, sem que um conheça a nota atribuída pelo outro. A nota final é composta de cinco notas, que avaliam competências específicas do candidato.

A nota final corresponde à média aritmética simples das notas atribuídas pelos dois corretores. Caso haja discrepância de 200 pontos ou mais na nota final atribuída pelos corretores (em uma escala de 0 a 1.000), ou de 80 pontos ou mais em pelo menos uma das competências, a redação passará por um terceiro corretor, em um mecanismo que o Inep chama de "recurso de oficio".
Se a discrepância persistir, uma banca certificadora composta por três avaliadores examinará a prova. Os candidatos poderão solicitar vistas da correção, porém não poderão pedir a revisão da nota.
Será atribuída nota zero à redação: que não atender a proposta solicitada ou que possua outra estrutura textual que não seja a do tipo dissertativo-argumentativo; sem texto escrito na folha de redação, que será considerada "em branco"; com até sete linhas, qualquer que seja o conteúdo, que configurará "texto insuficiente"; linhas com cópia dos textos motivadores apresentados no caderno de questões serão desconsideradas para efeito de correção e de contagem do mínimo de linhas; com impropérios, desenhos e outras formas propositais de anulação, que será considerada "anulada".
Os resultados
Os gabaritos das provas objetivas serão divulgados no site http://www.inep.gov.br/enem no dia 7 de novembro. Os candidatos poderão acessar os resultados individuais do Enem 2011 a partir de 28 de dezembro, mediante inserção do número de inscrição e senha ou CPF e senha no endereço eletrônico http://sistemasenem2.inep.gov.br/.

O Inep diz que a utilização dos resultados individuais do Enem para fins de certificação, seleção, classificação ou premiação não é de responsabilidade do órgão, mas das entidades às quais os dados serão informados pelo candidato.
O Inep não fornecerá atestados, certificados ou certidões relativas à classificação ou nota dos candidatos. De acordo com a portaria publicada no "Diário Oficial", a inscrição do participante implica a aceitação das disposições, diretrizes e procedimentos para a edição do Enem contidas no edital. Para os adultos submetidos a penas privativas de liberdade e adolescentes sob medidas socioeducativas, que incluam privação de liberdade, haverá um edital para o processo de inscrição específico
.

Ibama apreende grande quantidade de madeira ilegal em Rondon do Pará



Aproximadamente 6.000 m³ de madeira foram apreendidos pelo Ibama em 35 dias de operação (Foto: Divulgação/Ibama)Aproximadamente 6.000 m³ de madeira foram apreendidos pelo Ibama em 35 dias de operação (Foto: Divulgação/Ibama)

Em 35 dias de ação da Operação Soberania, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) apreendeu aproximadamente 6.000 metros cúbicos de madeira ilegal no município de Rondon do Pará, sudeste do estado. Sete madeireiras clandestinas foram embargadas durante a atuação do instituto, cujos proprietários foram multados em R$ 5,1 milhões.
As madeireiras foram encontradas pelo Ibama operando sem licença ambiental a poucos quilômetros do centro do município. Segundo o coordenador da operação, Maurício de Almeida, as empresas fomentavam o esquema de desmatamento na região, recebendo a madeira ilegal, retirada dos remanescentes de mata de Rondon, "cujas florestas, ao final da exploração ilegal, acabariam derrubadas a corte raso".
Imagens mostram área desmatada em Rondon do Pará (Foto: Divulgação/Ibama)
Imagens mostram área desmatada em Rondon do
Pará (Foto: Divulgação/Ibama)
No período de 25 de setembro a 30 de outubro, durante as ações de fiscalização, os agentes ambientais ainda identificaram quatro desmatamentos não autorizados no município, responsáveis pela destruição de 490 hectares de florestas em estágio avançado de regeneração. Os responsáveis foram autuados em R$ 3,2 milhões e tiveram as terras embargadas. Ainda de acordo com Maurício, os desmates ocorreram para ampliação de áreas para a agricultura ou silvicultura.

Operação Soberania Nacional
A operação combate o desmatamento ilegal em três frentes no Pará. Na região de Ulianópolis (com atuação também em Rondon do Pará e Dom Eliseu) e São Felix do Xingu, no sudeste paraense; e na região de Novo Progresso (incluindo o sul de Itaituba e os distritos de Castelo dos Sonhos e Moraes de Almeida, em Altamira), no oeste do estado. Em todo o Pará, a operação já aplicou R$ 188 milhões em multas e embargou 28 mil hectares de áreas ilegalmente desmatadas, desde o início das ações em agosto.

Serraria clandestina foi fechada pelos agentes do Ibama (Foto: Divulgação/Ibama)
Serraria clandestina foi fechada pelos agentes do Ibama (Foto: Divulgação/Ibama

)

Mais da metade dos inscritos para o Enem 2012 são negros


Dos mais de 5,7 milhões de participantes da edição deste ano do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), 2,4 milhões se declararam pardos; 694 mil, pretos e 35 mil, indígenas. Os dados fazem parte de balanço divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão do Ministério da Educação (MEC) responsável pelo exame.

A distribuição por raças é um dos recortes previstos na Lei de Cotas, publicada há duas semanas. Os novos critérios terão de ser incluídos nas regras de seleção para universidades públicas por meio do Enem.
A nova lei obriga instituições federais de ensino superior a destinar progressivamente uma parte das vagas para estudantes que frequentaram todo o ensino médio em escolas públicas. O objetivo do governo é atingir o índice de 50% das vagas em quatro anos. Um dos fatores a serem considerados é a raça declarada pelo candidato.
As provas do Enem serão realizadas em 1,6 mil municípios de todo o país no próximo fim de semana (3 e 4 de novembro).

A estudante Fernanda Brito Félix, 19 anos, conseguiu, no Enem de 2011, a vaga que buscava na Universidade de Brasília (UnB). Mas o curso possível não era o sonhado. Com o primeiro semestre de pedagogia garantido, a aluna decidiu participar, novamente, do Enem este ano, para tentar a transferência para o curso de direito.
“Só estudei em escola pública e as escolas públicas não têm capacidade alguma de preparar um aluno para um vestibular de [universidade] federal”, disse Fernanda. Para ela, o Enem “acaba sendo uma chance”, mas há dificuldades como a falta de preparo dos alunos no ensino médio. “A prova é cansativa e o aluno não tem essa preparação na escola ou conteúdo. O segredo é estudar muito.”
A receita de quem já foi beneficiado pelo exame parece coincidir com as impressões de quem vai enfrentar a prova pela primeira vez. Aluna do último ano do ensino médio no Colégio Setor Oeste, escola pública de Brasília, Hyasmin Stephanye Leite se prepara para a prova desde janeiro. “Busco métodos na internet, em apostilas. Tenho estudado três horas por dia. Poderia ser mais, mas tenho inglês à tarde”, contou.
Para Hyasmin, o colégio oferece a estrutura de que ela precisa. “Depende mais do aluno do que da escola. Não podemos nos comparar a alunos de escolas particulares, temos que nos comparar a nossa dedicação. Se você estuda, não é a escola que faz diferença, é o aluno que faz.”
Os números do Inep também revelam que a maioria dos participantes do Enem 2012, que tem recorde de inscrições e participações confirmadas, é composta por mulheres. As brasileiras respondem por 59% das inscrições, com 3,4 milhões, enquanto os homens somam 2,3 milhões (41%).
O estado de São Paulo tem o maior número de inscritos, com 932,4 mil, seguido de Minas Gerais (653.074), da Bahia (421.731) e do Rio de Janeiro (408.902).
Do total de inscritos, 4 milhões foram isentos da taxa de R$ 35 por serem alunos de escolas públicas ou pertencerem a famílias de baixa renda.
Fonte: Agência Brasil

Polícia Militar reforça segurança durante jogo em Paragominas


Foto: Tiago Melo
Nesta sexta-feira, 2, em Paragominas, na região nordeste do estado, será palco de mais uma partida do campeonato brasileiro da série C. Os times Paysandu e Macaé, se enfrentarão no estádio “Arena do Município Verde”, no bairro Promissão III.

Visando garantir segurança para os torcedores e moradores da cidade, a Polícia Militar garantiu reforço na segurança. Ao todo serão 90 homens que estarão realizando segurança em toda cidade. Entre eles, estarão 38 policiais do Batalhão de Choque (BPCHOQUE). Quatro viaturas do Batalhão de Polícia Tática (BPOT), que se juntarão aos 90 agentes de segurança pública.

Visando combater o crime no município, haverá também durante o campeonato e se estenderá até o dia seguinte, “Operação Saturação”, pelas principais ruas e avenidas de Paragominas.

A operação contará também com oito homens, cada um com cães farejadores, da Companhia Independente de Policiamento com Cães (CIPC), e quarenta homens do 19º Batalhão de Polícia Militar de Paragominas que estarão em pontos estratégicos realizando policiamento ostensivo preventivo em toda cidade.

O 19º Batalhão de Polícia Militar de Paragominas, é comandando pelo tenente coronel Rubenlúcio Silva da Silva, unidade militar subordinada ao Comando de Policiamento Regional VI, que tem à frente o tenente coronel Almendra.

Por Bruno Nascimento. 


Torcedor bicolor promete invadir Paragominas


Torcedor bicolor promete invadir Paragominas (Foto: Mário Quadros)
Torcida se mobiliza para 'invadir' Paragominas (Foto: Mário Quadros)
Paragominas (PA). A cidade onde o Papão fará a primeira partida das quartas de final da Série C promete virar um verdadeiro caldeirão bicolor no jogo contra o Macaé-RJ, nesta sexta-feira (02).
Só em Belém uma carga de 5 mil ingressos foram colocados à disposição do torcedor. A expectativa da diretoria é que todos sejam vendidos até o dia do confronto contra o Leão fluminense.
Entre os torcedores o clima não é diferente. Caravanas estão sendo organizadas para que a cidade do sudeste do Pará seja invadida pela ‘Avalanche Bicolor’.
Pelo menos quatro ônibus já estão confirmados para deslocar os representantes da capital no Estádio Arena Verde, todos com vagas esgotadas. Entre os pacotes oferecidos por representantes das caravanas, encontra-se até mesmo parada em Ipixuna (PA), para banho de Igarapé minutos antes do jogo.
Os preços vão de R$45,00 a R$60,00, sem o ingresso, que custa R$ 30. A expectativa é que as delegações de torcedores deixem Belém no dia da partida, sexta-feira (02), variando os horários de saída entre 5h a 10.
(Felipe Saraiva/DOL)

CBF confirma: Paysandu x Macaé será em Paragominas


CBF confirma: Paysandu x Macaé será em Paragominas (Foto: Thiago Araújo)
(Foto: Thiago Araújo)
A Confederação Brasileira de Futebol  (CBF) divulgou oficialmente, nesta segunda-feira (29), que o jogo entre Paysandu x Macaé-RJ, pelas quartas de final da Série C, será no estádio Arena do Município Verde, em Paragominas, a 317 km de Belém.
A partida será longe da capital paraense porque o Papão foi punido com a perda de dois mandos de campo pelo pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), em 25 de outubro, ocasião que a instituição julgou negativamente o recurso bicolor.
O primeiro confronto entre Papão e Macaé-RJ ocorrerá na sexta-feira (2), às 18h. O segundo duelo está marcado para o sábado (10), às 16h, em Macaé (RJ).
Caso o Papão passe para as semifinais, também será obrigado a jogar fora de Belém.
(Felipe Melo/DOL)

Caminhoneiros são flagrados com drogas em Mãe do Rio, PA


Policiais rodoviários apreenderam cocaína e 36 comprimidos de anfetamina. Os condutores foram detidos e encaminhados à delegacia do município.

  •  
Papelotes de cocaína e anfetaminas são apreendidas por policiais rodoviários. (Foto: Divulgação/Polícia Rodoviária Federal)
Papelotes de cocaína e anfetaminas são
apreendidas por policiais rodoviários.
(Foto: Divulgação/Polícia Rodoviária Federal)
Três caminhoneiros foram flagrados na última segunda-feira (29) em Mãe do Rio, município do nordeste paraense, portando medicamentos à base de anfetamina, substância de produção e comercialização proibidas no país, sendo que um deles também trazia cocaína.

Os motoristas viajavam em comboio, conduzindo caminhões do tipo “cegonha”, que transportavam automóveis com origem da cidade mineira de Betim com destino à capital paraense. Os flagrantes ocorreram durante fiscalização em frente ao posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), no km 248 da rodovia BR-010. Foram apreendidos 36 comprimidos e dois papelotes contendo cocaína.

Os caminhoneiros foram detidos e encaminhados à delegacia de Polícia Civil em Mãe do Rio devido à suspeita de estarem dirigindo sob efeito de substância entorpecente, colocando em risco a segurança no trânsito.

As anfetaminas são drogas sintéticas que induzem em seus usuários um estado de grande excitação, facilitando a exteriorização de impulsos agressivos e incapacidade de julgar adequadamente a realidade. Muitos condutores fazem uso da substância objetivando dirigir à noite e não dormir, mas acabam se envolvendo em acidentes graves.

“Apagão” atingiu 24 municípios do Pará


A Celpa informou ontem, por meio de sua assessoria de imprensa, que o “apagão”, no final da noite de quinta-feira (25) aconteceu por causa de “uma ocorrência na Rede Básica, administrada pelo Operador Nacional do Sistema (ONS)”, que afetou o fornecimento de energia elétrica em vários estados nas regiões Norte e Nordeste do Brasil, entre eles o Pará. 
A concessionária garantiu que espera um relatório que esclareça as causas do desligamento “que estão sendo analisadas pelo ONS, órgão do Governo Federal responsável por administrar o Sistema Interligado Nacional (SIN)”.
O “apagão” no Pará, ainda segundo a Celpa, foi parcial e aconteceu entre 23h14 (horário da capital, Belém) de quinta e 00h30 de ontem. Umarizal, São Braz, Guanabara, Castanheira e Atalaia foram os bairros atingidos em Belém. Por outro lado, em Nazaré, Marco, Canudos, Coqueiro, Cidade Nova, 40 Horas e Águas Lindas o forecimento de energia elétrica foi parcialmente prejudicado.

INTERIOR DO PARÁ
No interior do Pará, o fornecimento de energia elétrica foi interrompido em Concórdia do Pará, Tomé-Açu, Santarém, Anapu, Brasil Novo, Placas, Senador José Porfírio, Trairão, Uruará, Vitória do Xingu, Altamira, Medicilândia, Belterra, Tucumã, Ourilândia do Norte, São Félix do Xingu, Canaã dos Carajás, Itaituba, Ruropólis, Mãe do Rio, Aurora do Pará, Acará e Parauapebas, ainda segundo o documento da assessoria de imprensa da concessionária. 

SETOR ELÉTRICO
No Brasil, a principal fonte de geração de energia elétrica é a hidrelétrica (água dos rios), que responde por 71% da capacidade instalada em operação no país, seguida das termelétricas (gás natural, combustíveis fósseis, biomassa e nuclear), com 28%. 
O restante é proveniente de usinas eólicas (força dos ventos) e outras fontes. As geradoras produzem a energia, as transmissoras a transportam do ponto de geração até os centros consumidores, de onde as distribuidoras a levam até a casa dos cidadãos.
O sistema elétrico brasileiro permite o intercâmbio da energia produzida em todas as regiões, exceto nos sistemas isolados, localizados principalmente na região Norte. O trânsito da energia é possível graças ao Sistema Interligado Nacional (SIN), uma grande rede de transmissão, com cerca de 100 mil quilômetros (km) de extensão. (Fonte: www.aneel.gov.br)

O QUE É ONS?
O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) é o órgão responsável pela coordenação e controle da operação das instalações de geração e transmissão de energia elétrica no Sistema Interligado Nacional (SIN), sob a fiscalização e regulação da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).
Para o exercício de suas atribuições legais e o cumprimento de sua missão institucional, o ONS desenvolve uma série de estudos e ações a serem exercidas sobre o sistema e seus agentes para manejar o estoque de energia de forma a garantir a segurança do suprimento contínuo em todo o País. (Diário do Pará)

terça-feira, 30 de outubro de 2012

Toninho Andrade espera dois duelos complicados contra o Paysandu


Por Leonardo Cantarelli
FUTNET
Nas quartas de final da Série C, o Macaé enfrentará o Paysandu. O primeiro jogo será nesta sexta-feira, em Paragominas/PA, enquanto que o duelo de volta será no dia 10 de novembro.

O técnico Toninho Andrade diz que serão dois duelos complicados contra o Papão, mas que sua equipe tem condições de conseguir a vaga para a Série B de 2013.

"Serão dois jogos bastante complicados. Respeitamos a tradição do Paysandu, mas vamos em busca desse sonho, que é colocar o Macaé na Série B. Tivemos muitas dificuldades ao longo da caminhada, só que o nosso grupo está concentrado neste objetivo," disse o técnico Toninho Andrade durante sua participação no programa “Esportvisão”, da TV Brasil, neste domingo (28) à noite. 

Nesta fase da competição, caso haja empate após os dois jogos, em número de gols, o critério para desempate será o gol marcado fora de casa.

CBF anuncia tabela das quartas da Série C do Brasileiro


Agência Estado: AE
  
A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou nesta segunda-feira a tabela de jogos das quartas de final do Campeonato Brasileiro da Série C - a terceira divisão nacional. Punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), o Paysandu-PA jogará mesmo em Paragominas, no norte do Pará. A nova fase será disputada no sistema mata-mata, em dois jogos - ida e volta. O gol fora terá peso, como acontece na Copa do Brasil. Quem passar destes confrontos será semifinalista e vai garantir o acesso à Série B, em 2013.

O Paysandu foi punido pelo mau comportamento dos seus torcedores na partida contra o Icasa-CE, na 9.ª rodada, e por isso atuará diante do Macaé-RJ na Arena Verde, em Paragominas, cidade que está a 300 km da capital Belém. O confronto acontecerá nesta sexta, às 19 horas (de Brasília).

Já o Fortaleza-CE, melhor time da primeira fase, entrará em campo contra o Oeste-SP no sábado, às 16 horas, no estádio dos Amaros, em Itápolis (SP). Por ter terminado na liderança do Grupo A, o time cearense decidirá o acesso no estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, em partida marcada para o próximo dia 11.

No duelo de duas surpresas, Icasa e Duque de Caxias-RJ já se enfrentam nesta quinta, às 21 horas (de Brasília), no estádio Romeirão, em Juazeiro do Norte (CE). A partida de volta será na outra sexta, dia 9, no estádio Romário de Faria, no Rio de Janeiro.

Atual campeão do Mato Grosso, o Luverdense também entrará em campo pelo acesso na próxima quinta, primeiro atuando contra a Chapecoense, às 19 horas, na Arena Condá, em Santa Catarina. A classificação para a Série B deste confronto será na outra semana, no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde.

Os quatro jogos vão ser transmitidos, ao vivo, por duas emissoras de televisão: o SporTV (canal fechado) e a TV Brasil (oficial e canal aberto).

Confira os confrontos das quartas de final da Série C:

Jogos de ida
Quinta-feira (01/11)
19 horas
Chapecoense-SC x Luverdense-MT
21 horas
Icasa-CE x Duque de Caxias-RJ
Sexta-feira (02/11)
19 horas
Paysandu-PA x Macaé-RJ
Sábado (03/11)
16 horas
Oeste-SP x Fortaleza-CE

Jogos de volta

Quinta-feira (08/11)
19 horas
Luverdense-MT x Chapecoense-SC
Sexta-feira (09/11)
19 horas
Duque de Caxias-RJ x Icasa-CE
Sábado (10/11)
16 horas
Macaé-RJ x Paysandu-PA
Domingo (11/11)
19 horas
Fortaleza-CE x Oeste-SP

Programação do 1º Salão do Livro de Paragominas


Abertura 1º Salão do Livro de Paragominas
Local: Parque Ambiental de Paragominas, de 9h às 22h.
Programação

Sábado, 3 de novembro
Memorial do Município Verde:
9h – Abertura Oficial do 1º Salão
15h30 às 17h – Circuito Literário/ Literatura Infantil (Juraci Siqueira e Alfredo Garcia)
19h às 20h30 – Circuito Literário Antônio Eutálio Corrêa (Belém)

Palco
20h – Concerto da Orquestra Municipal

Exposições
9h às 22h – “Exposição de Humor Ecológico” / “Exposição de Caricaturas” / “Exposição de Cartuns Livre” /  “Exposição em homenagem ao Benedito Nunes” (IV Salão Internacional de Humor da Amazônia)
“Azulejo Português – Diálogos Contemporâneos”
"Mário de Andrade e a Amazônia: o importante não é ficar, é viver. Eu vivo"
“XVI Feira Pan-Amazônica do Livro – Um passeio literário pelo Para”

Domingo, 4 de novembro
Memorial do Município Verde:
10h30 às 11h30 – Peça Teatral "Pluft, o Fantasminha" (Grupo de Teatro - Secult Paragominas)
15h30 às 17h – Circuito Literário: Poesia (Jaddson Luiz Silva)
19h às 20h30 – Encontro Literário, com Carlos Correia Santos - Belém-PA

Palco
20h30 – Apresentação do Grupo Yucatã, MPB e Música Paraense com Karla Amoras e Jairo Assunção

Exposições
9h às 22h – “Exposição de Humor Ecológico” / “Exposição de Caricaturas” / “Exposição de Cartuns Livre” /  “Exposição em homenagem ao Benedito Nunes” (IV Salão Internacional de Humor da Amazônia)
“Azulejo Português – Diálogos Contemporâneos”
"Mário de Andrade e a Amazônia: o importante não é ficar, é viver. Eu vivo"
“XVI Feira Pan-Amazônica do Livro – Um passeio literário pelo Para”

Segunda-feira, 5 de novembro
Memorial do Município Verde:
9h30 às 11h30 – Arena das Artes Grupos de Paragominas
15h30 às 17h – Papo Cabeça, com Angela Dutra de Menezes "A História por trás da História"
19h às 20h30 – Encontro Literário Gláucia Ligia R. Leal – Paragominas

Palco
20h30 – Show Cantor Nad

Exposições
9h às 22h – “Exposição de Humor Ecológico” / “Exposição de Caricaturas” / “Exposição de Cartuns Livre” /  “Exposição em homenagem ao Benedito Nunes” (IV Salão Internacional de Humor da Amazônia)
“Azulejo Português – Diálogos Contemporâneos”
"Mário de Andrade e a Amazônia: o importante não é ficar, é viver. Eu vivo"
“XVI Feira Pan-Amazônica do Livro – Um passeio literário pelo Para”

Tenda 1
10h às 12h – Oficina: "Palavra Cantada" (Renato Torres)
15h às 17h – Oficina: Contação de histórias (Gil Ganesh - Belém)
Tenda 2
9h às 11h – Contação de História - (Gil Ganesh - Belém)
15h às 17h – Contação de histórias (Fca. Oneide de Oliveira Lima / Ronivon C. Oliveira - SEMEC)
Tenda 3
9h30 às 11h30 – Oficina "Roda da Palavra" - Yandra Galuppo
15h30 às 17h30 – Roda de Leitura e momentos lúdicos - SECULT

Terça-feira, 6 de novembro
Memorial do Município Verde:
9h30 às 11h30 – Arena das Artes Irituia
15h30 às 17h – Papo Cabeça - Dr. Rafael Vale (OAB Paragominas) Ética nas redes sociais
19h às 20h30 – Encontro Literário, com Angela Dutra de Menezes – RJ

Exposições
9h às 22h – “Exposição de Humor Ecológico” / “Exposição de Caricaturas” / “Exposição de Cartuns Livre” /  “Exposição em homenagem ao Benedito Nunes” (IV Salão Internacional de Humor da Amazônia)
“Azulejo Português – Diálogos Contemporâneos”
"Mário de Andrade e a Amazônia: o importante não é ficar, é viver. Eu vivo"
“XVI Feira Pan-Amazônica do Livro – Um passeio literário pelo Para”

Tenda 1
10h às 12h – Oficina: Contação de histórias (Fca. Oneide de Oliveira Lima / Ronivon C. Oliveira - SEMEC)
15h Às 17h – Contação de História Simone Mota - Escritora Paragominas
Tenda 2
9h às 11h – Contação de História - (Gil Ganesh - Belém)
15h Às 17h – Contação de histórias (Fca. Oneide de Oliveira Lima / Ronivon C. Oliveira - SEMEC)
Tenda 3
9h30 às 11h30 – Oficina "Literatura e Ludicidade" - Yandra Galuppo
15h30 às 17h30 – Oficina "Roda da Palavra" - Yandra Galuppo

Quarta-feira, 7 de novembro
Memorial do Município Verde
9h30 às 11h30 – Arena das Artes Grupos de Paragominas
15h30 às 17h – Papo Cabeça - Dra. Márcia B. Costa (Psic. Paragominas) Violência nas Escolas
19h às 20h30 – Encontro Literário, com Salomão Larêdo Belém – PA

Tenda 1
10h às 12h – Oficina: Contação de histórias (Fca. Oneide de Oliveira Lima / Ronivon C. Oliveira - SEMEC)
15h Às 17h – Oficina de Patrimônio – Belém
Tenda 2
9h às 11h – Contação de História - (Gil Ganesh - Belém)
15h Às 17h – Contação de histórias (Fca. Oneide de Oliveira Lima / Ronivon C. Oliveira - SEMEC)
Tenda 3
9h30 às 11h30 – Oficina "Roda da Palavra" - Yandra Galuppo
15h30 às 17h30 – Roda de Leitura e momentos lúdicos – SECULT

Exposições
9h às 22h – “Exposição de Humor Ecológico” / “Exposição de Caricaturas” / “Exposição de Cartuns Livre” /  “Exposição em homenagem ao Benedito Nunes” (IV Salão Internacional de Humor da Amazônia)
“Azulejo Português – Diálogos Contemporâneos”
"Mário de Andrade e a Amazônia: o importante não é ficar, é viver. Eu vivo"
“XVI Feira Pan-Amazônica do Livro – Um passeio literário pelo Para”

Quinta-feira, 8 de novembro
Memorial do Município Verde
9h30 às 11h30 – Arena das Artes/São Miguel
15h30 às 17h – Papo Cabeça     Salomão Larêdo - Escolha Profissional - Belém
19h às 20h30 – Encontro Literário, com Leandro Fabiano Narloch - SP

Palco
20h30 – Apresentações Culturais - Cia de Dança Secult - Pgm

Tenda 1
10h às 12h – Oficina: "Palavra Cantada" (Renato Torres)
15h Às 17h – Oficina: Contação de histórias (Gil Ganesh - Belém)
Tenda 2
9h às 11h – Contação de História - (Gil Ganesh - Belém)
15h Às 17h – Contação de histórias (Fca. Oneide de Oliveira Lima / Ronivon C. Oliveira - SEMEC)
Tenda 3
9h30 às 11h30 – Contação de História Simone Mota - Escritora Paragominas
15h30 às 17h30 – Oficina "Vivências em Danças Circulares" - Yandra Galuppo

Exposições
9h às 22h – “Exposição de Humor Ecológico” / “Exposição de Caricaturas” / “Exposição de Cartuns Livre” /  “Exposição em homenagem ao Benedito Nunes” (IV Salão Internacional de Humor da Amazônia)
“Azulejo Português – Diálogos Contemporâneos”
"Mário de Andrade e a Amazônia: o importante não é ficar, é viver. Eu vivo"
“XVI Feira Pan-Amazônica do Livro – Um passeio literário pelo Para”

Sexta-feira, 9 de novembro
Memorial do Município Verde
9h30 às 11h30 – Arena das Artes Recicléia (4 Municípios)
15h30 às 17h – Papo Cabeça, com Aluisio Almeida Sexualidade e Afetividade - SP
19h às 20h30 – Encontro Literário Jorge Quadros - Paragominas

Palco
20h30 – SARAU Secult Pgm (Palco)

Tenda 1
10h às 12h – Contação de História Simone Mota - Escritora Paragominas
15h Às 17h – Oficina: "Somos todos poetas. Aprendendo a criar e partilhar o que criamos" (Carlos Rodrigues Brandão)
Tenda 2
9h às 11h – Contação de História - (Gil Ganesh - Belém)
15h Às 17h – Contação de histórias (Fca. Oneide de Oliveira Lima / Ronivon C. Oliveira - SEMEC)
Tenda 3
9h30 às 11h30 – Oficina "Vivências em Danças Circulares" - Yandra Galuppo
15h30 às 17h30 – Contação de História Simone Mota - Escritora Paragominas

Exposições
9h às 22h – “Exposição de Humor Ecológico” / “Exposição de Caricaturas” / “Exposição de Cartuns Livre” /  “Exposição em homenagem ao Benedito Nunes” (IV Salão Internacional de Humor da Amazônia)
“Azulejo Português – Diálogos Contemporâneos”
"Mário de Andrade e a Amazônia: o importante não é ficar, é viver. Eu vivo"
“XVI Feira Pan-Amazônica do Livro – Um passeio literário pelo Para”

Sábado, 10 de novembro
Memorial do Município Verde
9h30 às 11h30 – Arena das Artes Peça Teatral "Origem de Paragominas" (Colégio Sophos)
15h – Palestra: Projeto Paragominas Município Verde + Apresentações Culturais SECULT PGM
19h às 20h30 – Encontro Literário, com Carlos Rodrigues Brandão - SP

Palco
20h30 – Orquestra Municipal Daniel Nascimento

Tenda 3
15h30 às 17h30 – Oficina "Vivências em Danças Circulares" - Yandra Galuppo

Domingo, 11 de novembro
Memorial do Município Verde
10h30 às 11h30 – Peça Teatral - Os Saltimbancos (Grupo de Teatro SECULT Paragominas)
11h30 – Contação de Histórias
16h – Peça Teatral Os Saltimbancos (Grupo de Teatro SECULT Paragominas)
19h às 20h30 – Encontro Literário, com Daniel Leite (Belém) e Gleice Antonio Almeida de Oliveira (Irituia)

Siga o ParagoNews

Minha lista de blogs